Blog

Qual o uso de CTR e CTO nas campanhas de marketing digital?

Analisar métricas de e-mail marketing são importantes para o retorno da campanha

Um dos principais fatores positivos do marketing digital é a possibilidade de analisar os números relacionados aos resultados de cada campanha, permitindo elaborar novas estratégias, visando atingir o objetivo definido para a ação.

Grande parte das ferramentas usadas nesse tipo de comunicação oferece diferentes tipos de relatórios e métricas. Por isso, entender as características de cada número é fundamental para interpretar os resultados e compreender o real retorno de uma campanha difundida no meio digital. Listamos os indicadores que apresentam os principais resultados do e-mail marketing:

CTR (Click Through Rate – Taxa de clique)
Esta métrica é a relação entre o número de impressões do conteúdo veiculado e a quantidade de cliques que ele recebe. Na análise das campanhas de e-mails marketing enviados, ela demonstra o montante de cliques em relação ao montante enviado. Para analisar o CTR, é importante ter em mente a quantidade de e-mails válidos na base de dados se comparado ao interesse deste mailing pelo assunto abordado. O cálculo segue uma fórmula básica:
Cliques x 100
_____________
enviados
O CTR se configura também como um dos principais indicadores de sucesso de uma campanha. Afinal, ela demonstra se a informação foi apresentada de forma relevante e também se foi entregue para o público ideal, de acordo com a segmentação.

CTO (Click to open rate – Taxa de retorno de abertura)
Esta métrica mede o retorno de cliques em relação à visualização da peça. Na análise das campanhas de e-mails marketing, ela demonstra o comportamento do público sobre a informação enviada, ou seja, indica qual foi o retorno dado à mensagem recebida. O cálculo segue uma fórmula básica:
Cliques únicos x 100
__________________
Visualizações únicas
O CTO se mostra eficiente também para medir o interesse em aprofundar-se sobre a mensagem recebida, influenciando para que o leitor interaja diretamente com as chamadas para ação, também conhecido como os botões clicáveis disponíveis no e-mail.

Bounce
A análise de e-mails marketing exige também que seja observado a quantidade de e-mails corretos e que recebem a comunicação. Isso permite que os e-mails caracterizados como bounce, ou seja, que estão errados e/ou indisponíveis temporariamente possam ser retirados da lista. Isso porque, quando muitos e-mails incorretos compõem a lista, os índices de rejeição do e-mail aumentam e podem classificar o remetente como spam.

Demétrius BrasilQual o uso de CTR e CTO nas campanhas de marketing digital?