Blog

Como devo me comunicar no meio digital, através de uma tela?

info_no_blog

Como resultado do atual cenário de pandemia mundial de Covid-19, o mundo digital tornou-se mais do que necessário para a comunicação das empresas e dos negócios. Os Tabelionatos de Notas, por exemplo, passaram a realizar seus serviços por meio de videoconferência. Com isso, surge outra preocupação, a de manter uma comunicação efetiva através de uma tela.

Ainda diante o funcionamento ou da certeza de que haverá a reabertura dos espaços físicos, a situação pede cautela e responsabilidade. Afinal, mesmo que tudo vá passar, a experiência do distanciamento social em todo o mundo, certamente, provocará mudanças permanentes na forma como nos comunicamos.

Sendo assim, diante os relacionamentos virtuais fundamentais, é comum que surjam inúmeras dúvidas. Como devo me comunicar? Como manter um relacionamento transparente com colaboradores, fornecedores, parceiros e clientes? Como evitar desentendimentos em conversas por vídeo, telefone, e-mail e WhatsApp?

Por isso, separamos algumas dicas valiosas para você não errar na sua comunicação digital. Veja a seguir.

  1. Faça um roteiro

O tempo é valioso para você e para todas as pessoas que participarão da reunião. Por isso, é fundamental criar um roteiro para organizar tudo o que precisará ser dito durante a conversa. Isso ajudará ainda a atingir o objetivo do encontro virtual. Uma dica é criar tópicos e compartilhá-los com os participantes previamente. Por fim, se irá haver um espaço para perguntas, planeje para o final e com um período definido.

  1. Treine suas expressões físicas

Assim como presencialmente, os pequenos detalhes também fazem a diferença no ambiente virtual. No vídeo, o foco está em seus gestos com as mãos, no seu olhar e nas suas atitudes. Portanto, manter o contato visual é importante para ganhar a confiança de quem está do outro lado. Um dos pontos positivos é olhar diretamente para a câmera – isso transmite a sua segurança.

  1. Seja profissional

O profissionalismo é obrigatório! Não deixe de preparar o ambiente. É fundamental que ele seja silencioso, organizado, bem iluminado e com equipamentos de qualidade. São indispensáveis: internet confiável, iluminação boa, câmera nítida e microfone ou fone de ouvido que não captam ruídos. Por último, é importante testar tudo com antecedência.

  1. Seja coerente

Comunicação requer coerência. Ou seja, passe mensagens claras, consistentes, mas acima de tudo, coerentes. Isso quer dizer, saiba o que falar, fale coisas que tenham nexo, que se complementem e que façam total sentido. Para isso, é importante dominar o assunto a ser abordado. Tudo isso fará diferença no resultado que você precisa atingir.

Demétrius BrasilComo devo me comunicar no meio digital, através de uma tela?
leia mais

Dicas de comunicação para a sua empresa

CLIENTE_NA_MIDIA_copiar

Se você está começando uma empresa agora, é importante saber que será necessário montar uma estratégia de comunicação. Trata-se de um planejamento que deverá ser seguido para divulgar os seus serviços ou produtos para o seu público. Ou seja, será a forma de se apresentar e se comunicar com os seus clientes.

Isso quer dizer que a estratégia de comunicação de uma empresa tem como objetivo promover a mensagem da marca para o seu público consumidor. Sendo assim, essa estratégia é extremamente valiosa para o crescimento da empresa no mercado.

Elimine riscos

Vale destacar ainda que a ausência de uma estratégia de comunicação faz a sua empresa correr alguns riscos, como, por exemplo, se contradizer a partir de uma comunicação incoerente que pode vir a prejudicar o seu negócio com o passar do tempo.

Dicas valiosas

Por isso, preparamos algumas dicas para te auxiliar a montar uma estratégia de comunicação para a sua empresa com total segurança. Veja a seguir.

  • Defina um objetivo para a sua empresa e foque nos próximos passos;
  • Conheça o seu público-alvo, isso inclui sexo, faixa etária, segmento etc;
  • Escolha os canais apropriados para aparecer com o seu objetivo, para o seu público;
  • Busque coerência para passar credibilidade em todas as suas ações de comunicação;
  • Contrate uma agência especializada, que ofereça confiança e segurança ao seu projeto.

Com uma boa estratégia de comunicação somada a outros requisitos fundamentais, como o bom atendimento, colaboradores competentes, produtos e serviços de qualidade, entre outros, tenha certeza de que a sua empresa está no caminho certo para conquistar e fidelizar clientes.

Ficou interessado em conhecer o trabalho da Infographya? Fale com a gente!

Demétrius BrasilDicas de comunicação para a sua empresa
leia mais

Você sabe quanto tempo dura seu conteúdo nas redes sociais?

200623-infographya-_medias2020-novos-templates

Investir em marketing de conteúdo vai muito além de entender as características, formatos e objetivos de cada rede social. Isso porque a qualidade do conteúdo é fundamental, assim como é indispensável criar uma boa estratégia.

Todas essas atitudes tem como principal objetivo alcançar bons resultados de engajamento para as suas publicações e fortalecer o seu negócio.

Mas, ainda tem mais! O que muita gente esquece de considerar é a duração desses conteúdos em cada uma das redes sociais trabalhadas. Isso quer dizer, por quanto tempo a sua publicação irá aparecer para os seguidores das suas páginas antes de se perder no feed em meio às atualizações constantes.

Confira a seguir o tempo médio de duração dos conteúdos em cada uma das redes sociais:

Blog ou Site – 2 meses
YouTube – 20 dias
LinkedIn – 24 horas
Instagram – 21 horas
Facebook – 5 horas
Twitter – 18 minutos

Conseguiu entender? Não deixe de montar a sua estratégia de marketing de conteúdo levando em consideração todas essas dicas. Elas serão fundamentais para o resultado positivo do seu trabalho.

Ficou com dúvidas? Contate a Infographya! Somos uma agência especializada em comunicação e marketing.

Demétrius BrasilVocê sabe quanto tempo dura seu conteúdo nas redes sociais?
leia mais

Mobile: sua real importância e como investir

info_no_blog

Para quem não sabe, mobile é o termo dado ao uso da tecnologia enquanto a pessoa se movimenta. Com isso, logo entendemos que os celulares são o principal meio de uso do mobile.

Aqui no Brasil, uma pesquisa da empresa TIC Domicílios, realizada em 2019, apontou que dos 70% de brasileiros que utilizam a internet, 97% deles se conectam através do celular.

Sabemos que as pessoas usam a internet para acessar suas redes sociais, com foco no entretenimento e informação, mas também para consumirem novos produtos e serviços. Por isso, existe a necessidade da criação de conteúdos cada vez mais responsivos por parte das empresas.

Mas, o que isso quer dizer? Quer dizer que as empresas e os negócios devem se preocupar em oferecer aos usuários do mobile uma boa experiência ao navegarem em seus sites através do celular.

O investimento em mobile é muito importante e deve ser feito, uma vez que um site lento, por exemplo, é responsável por 51% dos abandonos de página. Incrivelmente, 74% dos usuários desistem de um site se o seu carregamento não for concluído em apenas 5 segundos.

Além disso, as redes sociais funcionam como um canal de distribuição de conteúdo, com alto tráfego para os sites das empresas que as utilizam. O que reforça ainda mais essa necessidade de investir no mobile.

Por fim, é importante compreender que para que uma empresa consiga oferecer uma experiência completamente satisfatória aos usuários, deve-se montar uma estratégia de marketing, na qual será fundamental alinhar a produção de conteúdo de qualidade e a divulgação assertiva nas redes sociais com um site bem estruturado.

Para isso, é fundamental contar com profissionais especialistas e, de preferência, experientes no ramo do seu negócio. Conheça a Infographya e descubra o melhor para a sua empresa!

Demétrius BrasilMobile: sua real importância e como investir
leia mais

Redes sociais: conheça as principais características de cada uma

info_no_blog

As empresas aos poucos conquistaram seu lugar nas redes sociais devido ao alto índice de acessos e ao perfil extenso e variado de público. Através das redes sociais, as empresas buscam estreitar laços e manter um bom relacionamento com seus clientes.

Já houve um tempo em que essas empresas buscavam em qual rede social investir tempo e dedicação, mas com o passar dos anos e a popularização de tantas plataformas, fazem diferença aquelas empresas que estão presentes em todas elas ou, pelo menos, nas principais.

Porém, para que isso seja de fato positivo, é necessário saber como explorar e utilizar cada uma dessas redes sociais a favor da sua empresa, já que cada uma delas possuem suas próprias características – o que impacta diretamente ao que os usuários realmente buscam naquele canal. A seguir, saiba como utilizar cada uma delas.

Facebook

O Facebook é a maior rede social do mundo. Por isso, possibilita que a sua empresa alcance muitas pessoas, além de permitir que você segmente o seu público, de acordo com seus principais interesses, como idade, sexo, profissão etc.

No Facebook é possível ainda explorar o seu conteúdo, já que a plataforma trabalha com imagens, textos, vídeos e GIFs. Isso permite a criação de conteúdos dinâmicos que podem aumentar o engajamento e a taxa de conversão. A empresa também deve patrocinar publicações e levar o seu conteúdo para mais usuários.

YouTube

Já o YouTube é a segunda maior rede social e também se trata de um recurso poderoso para as empresas. Certamente a produção de vídeos é mais trabalhosa, porém seu potencial de alcance é muito alto, pois é possível compartilhar seus vídeos em outras plataformas.

É importante adequar seus conteúdos aos seus consumidores. Entrevistas com profissionais da área, depoimentos de clientes, cobertura de eventos, divulgação de produtos, tutoriais de como usá-los, entre outros, são dicas de bons conteúdos a serem convertidos em engajamento.

Instagram

O foco do Instagram são as fotos e, atualmente, detalhes do seu dia a dia através dos stories. E engana-se quem pensa que isso não pode ser positivo para as empresas. Afinal, os consumidores gostam de conhecer os bastidores e tudo o que existe por trás de uma marca.

Popularizando também o IGTV, as mesmas dicas do YouTube valem para essa ferramenta. Isso, é claro, além dos pequenos textos informativos que podem acompanhar as fotos e os vídeos.

O uso de hashtags aumentam significativamente o alcance das suas publicações no Instagram. A única desvantagem é que a rede social não permite a publicação de links. Os stories devem ser usados para apresentar anúncios, novidades da marca e aproximar os consumidores com a criação de enquetes e testes, pelos quais eles podem interagir.

Twitter

O Twitter é uma rede social factual, ou seja, do momento. Ela disponibiliza apenas 280 caracteres para cada publicação, por isso o conteúdo deve ser bem estratégico e aproveitado. Além disso, é necessário postagens frequentes e estar atento aos acontecimentos mais comentados.

Essa rede social é fundamental para que a sua empresa mostre que está ligada nos assuntos do momento e interaja em tempo real com os seus seguidores. Ou seja, permite que a sua utilização seja como um SAC 2.0. Para chamar a atenção na plataforma, o conteúdo precisa ser factual, mas também criativo.

WhatsApp

Devido ao seu grande potencial de comunicação, o WhatsApp é considerado uma das principais redes sociais da atualidade. Para as empresas, foi lançada a versão business. Dessa forma, o aplicativo facilita a interação com os consumidores, além de possibilitar o uso de ferramentas para automatizar, organizar e responder automaticamente as mensagens recebidas.

É possível editar o perfil da empresa, mostrar informações importantes como endereço, outros contatos e site. Além disso, existem as estatísticas, utilizadas para análise de quantas mensagens foram enviadas, entregues e lidas. Através do status, também é possível publicar seus produtos para propaganda.

LinkedIn

O LinkedIn é uma rede social corporativa. Voltada totalmente para o mundo profissional, a rede tem alto potencial de geração de negócios e fortalecimento de marca. Por isso, é fundamental que a sua empresa esteja presente.

Através de seus conteúdos, os usuários podem conhecer a autoridade da sua empresa, que deve interagir com possíveis clientes e aproveitar as ferramentas disponíveis para analisar sua concorrência e montar suas estratégias na rede social.

Por fim, é um ótimo espaço para buscar novos profissionais para a sua empresa e montar um time qualificado, já que o LinkedIn também permite o anúncio de vagas de trabalho.

Gostou? Tem interesse, mas precisa de ajuda para montar sua estratégia nas redes sociais? Fale conosco! É fundamental contar com agências especializadas.

Demétrius BrasilRedes sociais: conheça as principais características de cada uma
leia mais

O quão uma identidade visual é importante para a sua empresa?

info_no_blog

Chamamos de identidade visual a combinação de elementos visuais que refletem o nome, a ideia ou o produto de uma empresa. Compõem a identidade visual: as cores, as tipografias, os formatos e até o slogan (frase). A principal função da identidade visual é ser memorizada pelo público alvo de forma rápida, clara e objetiva.

Para isso, é preciso primeiramente esclarecer os objetivos, os ideais e a missão da empresa, para que posteriormente isso seja transmitido através de cores, formas e fontes. Assim, deve ser criado um conjunto gráfico para traduzir o conceito do seu negócio.

Veja, por exemplo, como algumas cores são capazes de despertar sensações no público. Ao pensar nessas cores, com certeza, você se lembrará de grandes marcas que as utilizam em sua identidade visual.

  • Vermelho: dinamismo, paixão, energia, perigo e intensidade;
  • Azul: segurança, sucesso, serenidade, produtividade e seriedade;
  • Amarelo: luz, otimismo, esperança, brilho e cautela;
  • Verde: confiança, calma, esperança, saúde e natureza.

Pode-se notar que, no caso de empresas relacionadas à comida, a identidade visual deve ser tão “apetitosa” quanto o produto oferecido. Afinal, dizem por aí que “primeiro se come com os olhos”. E isso acontece com qualquer outro segmento!

É importante ainda que, ao começar a criação da identidade visual, o design priorize a simplicidade (para fácil entendimento do público) e beleza (para chamar atenção). Para isso, é necessária uma análise detalhada e certeira que indique exatamente o que a empresa deseja no primeiro contato com os seus clientes.

Vale destacar que o desenvolvimento de uma identidade visual reúne dados técnicos, análises, especificações e todo o tipo de informação que deverá se transformar em referência para a criação de qualquer outro produto que levará o nome da empresa.

Por fim, a identidade visual ajuda a sua empresa a construir uma imagem de credibilidade e sucesso, à medida em que ficará gravada na memória de seus clientes e até mesmo daqueles que ainda não se tornaram clientes, mas que certamente se lembrarão quando precisarem de seus serviços.

Está entrando agora no mercado? Não deixe de contar com uma agência especializada para criar a sua identidade visual. Fale com a Infographya!

Demétrius BrasilO quão uma identidade visual é importante para a sua empresa?
leia mais

Comunicação encara novos tempos

info_blog_link

A situação atual de pandemia mundial só nos dá uma certeza: a de que várias atividades e setores irão se transformar definitivamente quando todas as dificuldades passarem. Isso porque especialistas e estudiosos do comportamento humano acreditam que o novo coronavírus acelerou um processo de transformação pelo qual o mundo já passava, porém lentamente.

Além disso, todos temos repensando nossas vidas e prioridades. E com a comunicação não é diferente! Afinal, o novo normal é a preferência pela área digital, mas isso não significa deixar de lado as plataformas tradicionais de comunicação.

A partir disso, muitas empresas estão aproveitando para se atualizarem agora. Isso acontece através de menores estruturas, home office, atendimento remoto, foco no digital e total atenção ao público alvo. Essas são as premissas de um novo tempo.

Diante da necessidade de mudar rapidamente, é necessário ainda apostar no máximo de conteúdos informativos. As lives, por exemplo, são um diferencial – atualmente em destaque! – que irá manter muitos negócios atuantes e relevantes mesmo após a pandemia.

Isso tudo fez com que as pessoas descobrissem o real valor das marcas tradicionais da comunicação. O que fez o setor encarar esse novo mundo, oferecendo novos meios e alternativas para as empresas. E isso, apesar de ser desafiador, é, sobretudo, uma grande oportunidade.

Vale destacar que toda essa transformação não terá fim quando a pandemia passar. Mas, se por um lado a comunicação se atualiza para acompanhar as novas exigências, o compromisso com a qualidade continua ainda maior e segue em constante aperfeiçoamento.

Dessa forma, é extremamente relevante passar por este momento ao lado de uma empresa especializada, competente e disposta a se adequar ao mundo pós-pandemia. Para isso, são necessários profissionais criativos, ligados nos acontecimentos e dedicados a desenvolver novas estratégias de comunicação.

E a Infographya é, sem dúvida, uma empresa que segue evoluindo, atenta às tendências do novo normal e com a mesma tradição que a consolidou no mercado. Contate-nos para conhecer o nosso trabalho!

Demétrius BrasilComunicação encara novos tempos
leia mais

LinkedIn Stories: Brasil é o primeiro país a testar a ferramenta

info_no_blog_link

Os Stories, lançados pelo SnapChat, ganharam o mundo com o sucesso na plataforma e, posteriormente, no Instagram, Facebook, Twitter, WhatsApp, YouTube e outros. Agora, o Brasil será o primeiro país a testar a ferramenta no LinkedIn.

Isso mesmo! A chegada dos Stories na rede social corporativa foi anunciada pelo managing news editor do LinkedIn, Rafael Kato, em um post na rede social. “Com o LinkedIn Stories, todos os usuários brasileiros terão a opção de nutrir suas redes de conexões e de seguidores de uma maneira descontraída e casual”, escreveu.

Mas, por outro lado, a novidade não é tanto uma surpresa. Isso porque, no fim de 2018 o LinkedIn lançou uma versão exclusiva para estudantes de algumas universidades dos Estados Unidos. Com isso, iniciou-se a busca do sucesso em unir o lado corporativo e mais sério da rede social, com o estilo descontraído e espontâneo dos Stories.

E esse é o estranhamento da maioria dos usuários. Afinal, como utilizar os Stories em uma plataforma séria, como é o LinkedIn?

Segundo o próprio colaborador do LinkedIn, todos sabemos que a vida profissional vai muito além da jornada das 8h às 18h, por exemplo. “Celebramos conquistas e projetos, iniciamos conversas relevantes sobre inovações e os últimos acontecimentos e até mesmo compartilhamos os segredos de como relaxar no final do dia”, sugeriu Kato em seu post.

Mas, além do que o profissional sugere, vale pensar em compartilhar momentos mais descontraídos na empresa, como as comemorações internas, as ações em datas comemorativas ou até mesmo o papo do cafézinho diário.

Vale ressaltar que o post de Rafael Kato sugere que o LinkedIn Stories estará disponível somente para os perfis pessoais, pois não há referências às Company Pages. Dessa forma, a ideia provavelmente é ser um meio de comunicação somente entre pessoas.

Por fim, o Brasil foi o país escolhido para esse lançamento porque atualmente é o quarto país com mais usuários no LinkedIn, totalizando 40 milhões e perdendo apenas para os Estados Unidos, a Índia e a China. Além disso, é o terceiro país que produz mais vídeos na rede social, que é a mídia principal dos Stories.

Demétrius BrasilLinkedIn Stories: Brasil é o primeiro país a testar a ferramenta
leia mais

Cartórios passam a realizar serviços por videoconferência, com assinatura digital

info_blog_link

A Corregedoria Geral da Justiça de São Paulo (CGJ-SP), publicou, em 28 de abril, o Provimento nº 12 de 2020, que autoriza, como medida preventiva do novo coronavírus, a realização de atos extrajudiciais, como escrituras, procurações públicas e atas notariais, de forma eletrônica.

Isso é possível através de videoconferência e a formalização dos atos deve ser feita a partir de assinaturas realizadas com certificado digital, no padrão do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ICP-Brasil).

Entre os atos mais requisitados, que podem ser feitos por videoconferência, estão as escrituras públicas de compra e venda de bens, doação de bens, emancipação, separação e divórcio e inventário e partilha.

A expectativa é que esse avanço para as atividades notarial e registral, apesar de ter ocorrido em razão da atual pandemia, represente uma nova era para os cartórios e que esses serviços permaneçam, facilitando ainda mais o acesso aos serviços extrajudiciais.

Balcão digital

Como forma de acompanhar a evolução dos serviços e deixar as serventias interessadas sempre preparadas para crises como essa, a Infographya desenvolve o projeto chamado de balcão digital. Afinal, a comunicação digital é uma das principais iniciativas para a gestão de crises.

Isso porque, o isolamento social, por exemplo, deixou claro que o atendimento digital é providencial em situações inesperadas. Além disso, atualmente, os cidadãos buscam cada vez mais por praticidade, economia de tempo e conforto, ou seja, por realizar atos sem precisar sair de casa ou do trabalho.

Por fim, o acesso rápido e prático às informações relacionadas aos serviços que procuram, bem como solicitações ágeis de orçamento, esclarecimento de dúvidas e documentação necessária, são fundamentais para manter a fidelidade do cliente.

Ficou interessado em saber mais sobre o balcão digital? Contate-nos!

Demétrius BrasilCartórios passam a realizar serviços por videoconferência, com assinatura digital
leia mais

Conheça as características do nosso processo criativo

no_blog_link

O objetivo da Infographya é desenvolver estratégias específicas para cada público alvo com o qual o cliente pretende se comunicar, construindo ferramentas diferenciadas voltadas a atingir o máximo de performance e resultados no segmento. As estratégias de comunicação e marketing se encontram em todas as etapas do desenvolvimento de conteúdo.

Utilizamos as mais modernas técnicas e ferramentas da comunicação e de marketing, aliamos um conteúdo editorial claro e objetivo ao desenvolvimento de um design atrativo e segmentado, de forma a produzir o resultado mais eficaz em cada uma das diversas plataformas de comunicação.

Com isso, promovemos uma comunicação moderna e eficaz sem descuidar das peculiaridades de cada segmento, aliando reputação e criatividade, proporcionando confiabilidade junto ao público-alvo com o qual o cliente pretende se comunicar.

Além disso, criamos uma operação sistemática de publicação editorial e de marketing com vistas a atingir os objetivos definidos para a aferição de resultados. Veja quais são as etapas que fazemos em todo esse processo.

Briefing

Estudo das demandas do cliente e coleta das informações disponíveis que subsidiarão o planejamento do trabalho a ser desenvolvido.

Análise de Informações

Com base nas informações catalogadas, estudo criterioso das matrizes de comunicação e marketing a serem desenvolvidas.

Planejamento de Mídias

Definição das ferramentas de comunicação a serem desenvolvidas, conteúdo a ser veiculado e linha editorial articulada aos públicos alvos.

Criação e Comunicação

Estruturação das ferramentas de comunicação que segmentarão os públicos alvos do serviço, com a definição dos layouts e planejamento visual.

Apresentação e Validação

Validação junto ao cliente do planejamento desenvolvido, ferramentas de comunicação escolhidas e linha editorial a ser adotada.

Execução do Projeto

Operação sistemática de publicação editorial e de marketing com vistas a atingir os objetivos definidos para a aferição de resultados.

Avaliação e Monitoramento

Constante monitoramento de interações e respostas aos públicos usuários dos serviços, visando o engajamento e a avaliação sistemática da comunicação.

Métricas e Resultados

Apresentação dos resultados específicos de cada uma das ferramentas e estratégias de comunicação desenvolvidas para o cliente.

Gostou do nosso trabalho? Quer saber mais detalhes sobre ele? Fale conosco!

 

Demétrius BrasilConheça as características do nosso processo criativo
leia mais