Blog

YouTube Shorts: nova ferramenta é semelhante ao TikTok e ao Reels

Nesta segunda-feira (14), o YouTube anunciou o lançamento da sua nova ferramenta: o YouTube Shorts, que permite a publicação de vídeos verticais de até 15 segundos, com edição e música, semelhante ao TikTok e ao Reels (do Instagram). O Shorts será liberado nos próximos dias para Android, na Índia, e deve chegar a outros países e ao iOS (iPhone) nos próximos meses.

O YouTube Shorts iniciou sua fase de testes em junho deste ano com pequenos grupos de usuários. Mas, foi divulgado oficialmente somente agora, em meio às notícias de venda do TikTok, aplicativo chinês, para os Estados Unidos.

Vale destacar ainda que a escolha da Índia como o primeiro país a usar o novo recurso é parte de uma estratégia comercial. Isso porque o TikTok foi proibido no país, em junho de 2020, por conteúdo impróprio para crianças, conforme argumentou o governo indiano.

Recursos

O Shorts conta com ferramentas já conhecidas. Assim como acontece em seus concorrentes, os vídeos podem ser capturados em clipes curtos e ter músicas adicionadas como trilha sonora. Também é possível controlar a velocidade e o temporizador, que permite a gravação com mãos livres.

Será possível carregar vídeos armazenados na galeria para o Shorts com limite de 15 segundos. Para navegar entre os vídeos, os usuários visualizarão uma seção exclusiva na tela inicial do aplicativo do YouTube e poderão deslizar os vídeos verticalmente para ver novos conteúdos.

Aqueles que não tiverem acesso ao Shorts, poderão ter seus vídeos exibidos dentro da seção. Para isso, deverão marcar os seus vídeos com menos de 60 segundos com a hashtag #Shorts no título ou na descrição. Esses vídeos serão exibidos em formato de experimento junto aos vídeos verticais.

InfographyaYouTube Shorts: nova ferramenta é semelhante ao TikTok e ao Reels